sexta-feira, 27 de abril de 2007

A vida é estranha. Quando você está cobrindo de um lado, descobre de outro. Torçam por mim, amigos!

Uma música para desanuviar:


Amanhã não se sabe
[Sérgio Britto]

Como as folhas, com o vento
Até onde vai dar o firmamento
Toda hora enquanto é tempo
Vivo aqui este momento
Hoje aqui, amanhã não se sabe
Vivo agora antes que o dia acabe
Este instante, nunca é tarde
Mal começou eu já estou com saudade
Me abraça, me aceita
Me aceita assim meu amor
Me abraça, me beija
Me aceita assim como eu sou
E deixa ser o que for
Como as ondas, com a maré
Até onde não vai dar mais pé
Este instante tal qual é
Vivo aqui e seja o que Deus quiser
Hoje aqui não importa pra onde vamos
Vivo agora não tenho outros planos
É tão fácil viver sonhando
Enqunato isso a vida vai passando
Me abraça, me aceita
Me aceita assim meu amor
Me abraça, me beija
Me aceita assim como eu sou
E deixa ser o que for