segunda-feira, 14 de maio de 2007

Superbranca

Quem me conhece um pouco ou acompanha minhas incursões bloguísticas já deve ter visto eu falar sobre minha avó. Tenho muito amor, carinho e admiração por ela, que é a pessoa mais forte que eu já conheci. Ontem, aproveitando a ocasião do Dia das Mães, eu e minha mãe realizamos um pequenino - porém significativo - sonho: presenteamos a nossa família com um livro que narra a vida da Vó Branca, desde que ela nasceu até os dias atuais. Foi uma forma que encontramos para homenageá-la e para deixar registrado a vida da nossa matriarca. Quem ler pode achar que é ficção (daquelas bem exageradas) mas é, na verdade, o caminho tortuoso que essa mulher seguiu, sempre com muita ternura e fé. Fiquei feliz que depois de meses, finalmente, eu e mami conseguimos concluir nosso projeto. =D Branquinha merece!!!


Mamãe, vovó e o livrinho



p.s.: Homem Aranha 3: quem viu? Ah, não! Eu quero o Peter Parker do 1 e do 2 de volta!
p.p.s: Desafio da semana: não reclamar da vida. Sim, por isso que disse que é um desafio e não uma promessa. Eu fico frustrada quando não cumpro minhas próprias promessas e isso geraria mais e mais reclamações.