quinta-feira, 20 de setembro de 2007

Aquele da mentira

A mentira me soa como um ato de pretensão. Porque o mentiroso parte do pressuposto de que você realmente se afetaria com a verdade. Mas pode ser que você não se importe, nem com a verdade, nem com a mentira. Mas não deixa de se sentir mal. Pois constata quão ridículo um ser humano pode ser.