segunda-feira, 22 de outubro de 2007

Aquele pós São Paulo

Algumas pessoas tiram férias e vão para o meio do mato. Eu tiro férias e vou para a frenética São Paulo. Adoro.

Pena que não deu para estar com todos os amigos. Dias corridos, típicos da maior cidade do Brasil. Mas volto, em breve.

Obrigada à 25 de março pelos badulaques. À avenida Paulista, por ser tão bonita, mesmo em noites chuvosas. À família Preto por mais uma excelente estadia e à Jujú, pela amizade eterna e pela festa sensacional.

Abaixo, uma foto do motivo maior da viagem: o aniversário da Jujú. Alguém já pegou a Fernão Dias e caiu nos anos 80? Aconteceu comigo.



p.s.: Fiz uma constatação: antigamente, quando eu viajava sozinha, ligava todos os dias para minha casa, porque tinha que dar uma satisfação. Hoje, quando eu viajo sozinha, ligo todos os dias para minha casa porque sinto saudades.
p.p.s.: Queria mandar um beijo para a Lu, amiga da Jujú, que eu descobri ser leitora deste blog. Lu, obrigada pela audiência. Você é ótima!
p.p.p.s.: Por um acaso essa foto acima (a preto e branco) está dentro do quadrado rosa no computador de vocês? Porque na minha casa está. Mas aqui no meu trabalho está vazando. Ah é...eu voltei ao trabalho.