segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Eu disse, no post anterior que, no próximo, falaria sobre as coisas que não planejei para 2007, mas aconteceram. Bom, deixemos isso para depois. Hoje quero falar sobre ontem. Um dia bom. Contrariando todos os prognósticos do meu coração (que tosco isso).

A começar pelo lançamento do livro "Sombras", que conta com um conto meu. Foi tudo tão especial que eu senti um certo pesar de não ter dado tanta importância. Não convidei quase ninguém, não escrevi um texto especialmente para isso. Mas o resultado foi ótimo. Um livro bonito, bem organizado e, até onde li, bem escrito também. Parabéns aos outros 29 autores e às editoras alberti & carnevali e Idéias Bizarras.

Só peço desculpas aos meus fãs (rá!) pela minha falta de destreza para dar autógrafos e escrever dedicatórias. Nem caneta eu tinha! Mas eu tinha uma assessora particular que tratou de me comprar uma BIC azul no boteco mais próximo.

Além da minha estréia literária, comemoramos também a aprovação da amiga Paula no mestrado. Estou impressionada com o nível da minha "adultice". Não bastasse fazer declaração de imposto de renda, tenho amiga casada, amiga quase mestre. Credo!

Para encerrar a noite radicalmente (interna), show de Nando Reis. Preciso mesmo dizer como foi bom? Precisa não, né?

O mundo é bão, Sebastião!

E eu não tenho a menor dúvida disso.


________________________________________________

Quero aproveitar o post para registrar um mimo que recebi da querida Carol, do blog Menina Lunar:




Tô chique demais, hein?