quarta-feira, 21 de janeiro de 2009

Fernanda's show

Minha vida é uma sequência de cenas insólitas, pessoas excêntricas, coincidências assustadoras e acontecimentos incríveis que se derivam pura e simplesmente daquilo que chamamos de sorte. Não raramente, ao me ouvir relatar algum dos meus tantos casos, alguém retruca: "tinha que ser com você".

Mas creio que esse seja um sentimento comum. Quem nunca pensou um "só acontece comigo"? Na verdade, bizarrices acontecem com todo mundo - embora com algumas pessoas aconteçam com mais frequencia ou embora algumas pessoas tenham mais sensibilidade para sacar da vida esses acontecimentos pitorescos. Fato é que, na nossa pele, a gente só sente o que é nosso.

Vinha caminhando, no centro de BH, um dia desses, refletindo sobre isso. Tem hora que eu tenho a impressão de que minha vida seja uma grande farsa e, a qualquer momento, todos os meus entes irão se revelar grandes atores . Delírios vão, delírios vêm, vejo uma pequena aglomeração de pessoas paradas numa determinada esquina. Continuo caminhando, de modo que estou cada vez mais próxima da aglomeração. Logo percebo que existe uma limunsine parada por ali. E de dentro da limusine sai a Rita Cadillac.

Podem falar! Eu já sei! É tudo uma armação.